???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.ufam.edu.br/handle/tede/2317
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: Quem vai descer a Acará? Processo de construção do fazer-se classe do operariado do Parque Industrial de Manaus-anos 1980
???metadata.dc.creator???: Reis Filho, Milton Melo dos 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Torres, Iraildes Caldas
???metadata.dc.description.resumo???: Quem vai descer a Acará? Esta indagação constituiu-se no filão que entrelaçou esta investigação do início ao fim. Trata-se de um estudo sobre os trabalhadores do Pólo Industrial de Manaus que, em meio às tensões do regime no início dos anos oitenta e das agruras do controle fabril, soube organizar-se para constituir-se numa classe social, a classe operária. Buscamos compreendê-lo na trama de relações e dos antagonismos de classe que notabilizaram este período. Assumiu o propósito de investigar as greves, os momentos de tensões, conflitos e as lutas travadas pelos trabalhadores operários ocorridos no interior das fábricas que compõem o Pólo Industrial de Manaus, na década de oitenta do século XX e suas implicações no movimento mais amplo dos trabalhadores congregados na CUT no Amazonas. O estudo atende a uma perspectiva metodológica da história oral e a técnica utilizada constituiu-se na entrevista do tipo semi-estrutrado aplicada junto a seis trabalhadores do Pólo Industrial de Manaus. Realizamos uma análise sobre a transição política como projeto e processo de abertura democrática no Brasil; a construção do novo sindicalismo no Brasil e no Amazonas, procurando perceber as vicissitudes da primeira greve no PIM, os recuos avanços e vitórias nas greves dos trabalhadores do Parque Industrial de Manaus e espaço da luta e a sociabilidade operária. Os resultados mostram a importância que teve os trabalhadores e trabalhadoras do Pólo Industrial de Manaus na organização e constituição de sua classe, do fazer classe nos anos oitenta, uma década recheada dos mais significativos acontecimentos que tiveram sua culminância positiva no campo das conquistas sociais, econômicas e culturais. A realização desta pesquisa deveu-se à necessidade e, também, à preocupação de fazer uma abordagem sobre a Classe Operária no Brasil cuja meta fundamenta-se na idéia de contribuir para com a produção histórica regional, apresentando subsídios para a comunidade acadêmica no discutir de uma visão historiográfica com este olhar contemporâneo.
Abstract: Attending the Acará down? This inquiry was in the vein that intertwine this investigation from start to finish. This is a study on workers of the Industrial Pole of Manaus that, amid the tensions of the regime in the early eighties and the bitterness of manufacturing control, knew organize itself to be in a social class, the working class. We try to understand it in the web of relationships and class antagonisms that distinguish this period. Assumed the purpose of investigating the strikes, the moments of tension, conflicts and struggles waged by workers workers occurred inside the factories that make up the Industrial Pole of Manaus, in the eighties of the twentieth century and its implications for the broader movement of workers CUT gathered in the Amazon. The study responds to a methodological perspective of oral history and the technique used was based on interviews of the semi-type structure applied to six workers from the Industrial Pole of Manaus. An analysis on the political transition process as design and democratic openness in Brazil, the construction of the new unionism in Brazil and the Amazon, seeking understand the vicissitudes of the first strike in PIM, the advances and setbacks victories in strikes of workers in the Industrial Park of Manaus and space of social struggle and working. The results show the importance it had employees and workers of the Industrial Pole of Manaus in the organization and establishment of its class, the class do in the Eighties, a decade full of the most significant events that took its culmination positive achievements in the field of social, economic and cultural. The completion of this research was due to the need and also to the desire to make an approach on the working class in Brazil whose goal is based on the idea of contributing to the historic regional production, providing subsidies for the academic community in discussing the a vision with this historiographical look contemporary.
Keywords: Trabalhadores Operários
Sindicalismo
Workers Laborers
Unionism
The Making Class
???metadata.dc.subject.cnpq???: OUTROS
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: BR
Publisher: Universidade Federal do Amazonas
???metadata.dc.publisher.initials???: UFAM
???metadata.dc.publisher.department???: Instituto de Ciências Humanas e Letras
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Sociedade e Cultura na Amazônia
Citation: REIS FILHO, Milton Melo dos. Quem vai descer a Acará? Processo de construção do fazer-se classe do operariado do Parque Industrial de Manaus-anos 1980. 2008. 143 f. Dissertação (Mestrado em Sociedade e Cultura na Amazônia) - Universidade Federal do Amazonas, Manaus, 2008.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://tede.ufam.edu.br/handle/tede/2317
Issue Date: 21-Nov-2008
Appears in Collections:Mestrado em Sociedade e Cultura na Amazônia

Files in This Item:
File SizeFormat 
Dissertação - Milton Melo dos Reis Filho.pdf1.05 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.