Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/2300
Tipo do documento: Dissertação
Título: A formação de leitores e a perspectiva de políticas públicas para a leitura em Manaus
Autor: Moreira, Márcia Greid Brito 
Primeiro orientador: Torres, Iraildes Caldas
Resumo: Este estudo assume o propósito de empreender uma análise sobre as políticas públicas destinadas à leitura em nosso país, destacando sua promoção em uma escola pública. Procuramos investigar o porquê do baixo índice de proficiência das habilidades leitoras e escritoras dos alunos, já que cada ano mais e mais programas, projetos e ações são criados em favor da leitura. Este trabalho apresenta a constatação de que as práticas de leitura delineadas por essas políticas públicas têm se constituído em ações ineficientes diagnosticadas nos exames de avaliações oficiais como o PISA, Prova Brasil, IDEB, ENEM que trazem índices sobre o educando frente à prática da leitura. Os programas específicos acabam, paradoxalmente, inviabilizando a formação leitora compatível com as competências que é preciso desenvolver para formar, preparar e capacitar os alunos ao exercício da cidadania. Apresentamos aqui concepções e execuções de políticas públicas voltadas para a leitura, assim como a implantação dessas políticas em uma escola pública que é o Instituto de Educação do Amazonas - IEA. A pesquisa demonstrou que há uma descontinuidade no desenvolvimento das políticas públicas de incentivo à leitura. Os resultados apontam para a necessidade de a escola buscar o envolvimento da comunidade escolar nas políticas públicas participando de programas eficazes no estímulo ao hábito da leitura e da escrita. Também é necessário fazer a aquisição de livros para os professores, diretores, agente de leitura e bibliotecários. Os investimentos em ações em prol do livro e da leitura devem ser priorizados por aqueles que acreditam que a leitura poderá levar o país ao desenvolvimento nacional e à cidadania, que o caminho percorrido será longo, mas que é preciso fazer algo imediatamente para mudar essa realidade. No caso da escola pública o que pudemos observar é que a escola tem conhecimento sobre as políticas públicas para a promoção da leitura, mas muitos não têm acesso a essas políticas por desconhecê-las. É necessário estimular a todos dentro do espaço escolar, é preciso também que a escola possua uma boa biblioteca, que é o espaço privilegiado para o desenvolvimento do hábito de leitura.
Abstract: This research aims to reflect upon the public policies regarding reading in our country, focusing on the promotion of reading in state schools. Thus, we intend to comprehend the reasons for the low proficiency in reading and writing skills of the students, since every year, more and more programs and projects are created to motivate reading habits. Before this situation, this research shows that reading practices designed by these public policies have been being inefficient, which can be seen by means of official evaluations on reading proficiency such as PISA, Prova Brasil, IDEB, and ENEM. The programs specifically formulated for reading in a country of people who study and read actually, end up, paradoxically, frustrating reading formation compatible with the competencies necessary for preparing and capacitating the students for the practice of their citizenship. Therefore, this research presents conceptions and executions of public policies concerning reading, as well as an analysis of the implementation of such policies in a state school, Instituto de Educação do Amazonas - IEA. This study, thus, showed a lack of continuity in the development of public policies for reading. Therefore, it is necessary that the school community also be the target of these policies with efficient programs for motivating the reading and writing habits, and the acquisition of books for teachers, directors, reading agents in general, and librarians. We think that programs for encouraging the acquisition of books and reading habits must be prioritized by those who believe that reading can lead our country to improvements and citizenship; and, even though there is a long way ahead, something has to be done in order to immediately change this difficult reality. In state schools, it is possible to observe that, even though these schools know about the public policies for reading, many people do not have access to these policies because they simply are not aware of them; so, there is need for stimulating everybody in school for reading, as well as for the school to have a library, a privileged environment for the improvement of reading habits.
Palavras-chave: Leitura
Política pública
Instituto educacional do Amazonas
Reading
Public policy
Amazon educational institute
Área(s) do CNPq: OUTROS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Federal do Amazonas
Sigla da instituição: UFAM
Departamento: Instituto de Ciências Humanas e Letras
Programa: Programa de Pós-graduação em Sociedade e Cultura na Amazônia
Citação: MOREIRA, Márcia Greid Brito. A formação de leitores e a perspectiva de políticas públicas para a leitura em Manaus. 2013. 139 f. Dissertação (Mestrado em Sociedade e Cultura na Amazônia) - Universidade Federal do Amazonas, Manaus, 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.ufam.edu.br/handle/tede/2300
Data de defesa: 15-Mar-2013
Aparece nas coleções:Mestrado em Sociedade e Cultura na Amazônia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
MÁRCIA GREID BRITO MOREIRA.pdfDissertação1,01 MBAdobe PDFThumbnail

Baixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.