???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/2339
Tipo do documento: Dissertação
Título: Política e territorialidade: as transformações sociais com a criação dos Projetos de Assentamento Agroextrativista em Humaitá - AM
Autor: Marinho, Luciane Silva da Costa 
Primeiro orientador: Almeida, Alfredo Wagner Berno de
Resumo: Este trabalho de pesquisa busca refletir sobre as transformações sociais a partir da criação dos Projetos de Assentamento Agroextrativista (PAE) em Humaitá (AM), no rio Madeira. A área de estudo de nossa investigação empírica foi no chamado Lago do Antônio, lugar composto por oito comunidades que fazem parte do PAE São Joaquim em Humaitá. Objetivamos compreender como esta nova modalidade de assentamento, considerado sustentável pelas agências governamentais e não governamentais, são entendidas pelas ditas comunidades tradicionais . Nesse sentido, constatamos que esses modelos de assentamentos diferenciados podem ser caracterizados como uma tentativa de comando e controle para mitigar os problemas ambientais causados, sobretudo, pela produção da soja, da exploração de madeira ilegal, da grilagem de terras e do desmatamento nas áreas de campos e savanas nessa região de fronteira. Também chamou-nos atenção, a racionalidade das comunidades do Lago do Antônio baseada em ações coletivas e numa reciprocidade positiva entre as famílias das oito comunidades do Lago do Antônio. Situação contrária das políticas desenvolvimentistas, que enaltecem as regras de acesso individual aos recursos naturais, conforme o modelo da parcelas dos assentamentos. Em suma, concluímos que na formulação das políticas governamentais, no caso desses modelos de assentamento, tem-se promovido um desenvolvimento sustentável na região que busca uma certa disciplinarização do uso do território, pautado na mercantilização dos bens naturais.
Abstract: This research aims to reflect on the social changes since the creation of the Settlement Projects Agroextrativista (PAE) in Humaitá (AM), the Madeira River. The study area of our empirical investigation has been called in Anthony Lake, a place made up of eight communities that are part of the SAP in San Joaquin Humaitá. We aim to understand how this new mode of settlement, considered sustainable by government agencies and ONGs, are understood by the so-called "traditional communities". Accordingly, we find that these different models of settlements can be characterized as an attempt to command and control to mitigate the environmental problems caused mainly by the production of soybeans, the exploitation of illegal timber, the land grabbing and deforestation in the areas of fields and savannas in this border region. Also drew our attention, the rationality of the communities of Anthony Lake on collective actions and a positive reciprocity between the families of the eight communities of Anthony Lake. Opposite situation of development policies, which underpin the rules for individual access to natural resources, as the model of the plots of the settlements. In sum, we conclude that the formulation of government policies, in the case of such types of settlement, has promoted sustainable development in the region that seeks a certain disciplining of land use, based on the commodification of natural assets.
Palavras-chave: Territorialidade humana
Assentamentos
Territoriality human
Settlements
Desenvolvimento rural – Humaitá
Área(s) do CNPq: OUTROS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Federal do Amazonas
Sigla da instituição: UFAM
Departamento: Instituto de Ciências Humanas e Letras
Programa: Programa de Pós-graduação em Sociedade e Cultura na Amazônia
Citação: MARINHO, Luciane Silva da Costa. Política e territorialidade: as transformações sociais com a criação dos Projetos de Assentamento Agroextrativista em Humaitá - AM. 2010. 109 f. Dissertação (Mestrado em Sociedade e Cultura na Amazônia - Universidade Federal do Amazonas, Manaus, 2010.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.ufam.edu.br/handle/tede/2339
Data de defesa: 22-Apr-2010
Appears in Collections:Mestrado em Sociedade e Cultura na Amazônia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação - 114265201833515433417993184776234693757.pdfPolítica e territorialidade: as transformações sociais com a criação dos Projetos de Assentamento Agroextrativista em Humaitá - AM69,83 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.