???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/3400
Tipo do documento: Dissertação
Título: Características socioeconômicas e ambientais dos casos de dengue na zona urbana de Manaus
Autor: Araújo, Mirelia Rodrigues de 
Primeiro orientador: Desmouliere, Sylvain Jean Marie
Resumo: A infecção ocasionada por dengue constitui um dos principais problemas de saúde pública no mundo, inclusive no Brasil, geograficamente localizado em área tropical, reconhecida como zona prevalente para incidência da doença. Além da localização da região, existem outros fatores determinantes e condicionantes para infecção por dengue, como por exemplo, aspectos socioeconômicos e variações do microclima local. Este estudo teve por objetivo descrever a distribuição dos casos de dengue e incidência, condições socioeconômicas e ambientais, realizado nos bairros da área urbana da cidade de Manaus durante o período de 2000 a 2010. Com uso dos softwares Quantum GIS e Terraview, para produção de mapas temáticos e identificação de clusters espaciais quanto à concentração de casos e incidência da doença em relação ao total investigado e também o Pacote Estatístico R, para análise temporal por meio da correlação de Pearson. Ao comparar os mapas de casos de dengue e incidência, Índice de Infestação do vetor (IIP), rendimento percapita e médias de temperatura, não foi possível verificar relação proporcional entre tais variáveis, exceto médias de temperatura, que se mostrou influente na proporção dos casos. Os clusters e outliers identificados foram bastante variados, no entanto, as áreas de alta prioridade tenderam a permanecer na extensão de bairros onde o aumento dos casos mostrou certa tendência. Na análise temporal, as correlações foram fracas, no entanto, positivas para casos com precipitações e Umidade relativa, e negativa para casos com média de temperatura. Concluindo, a distribuição espaço-temporal da dengue em Manaus se deu de forma heterogênea, não foi possível associar aspectos socioambientais aos casos da doença, esta, ocorre de maneira que não mostrou sofrer influência do rendimento percapita ou Índice de Infestação do vetor, apenas a variável temperatura pareceu influente.
Abstract: The dengue infections are the major public health problems in the world, including Brazil, geographically located in the tropical area, recognized as prevalent for the disease incidence. Besides the location of the region, there are other determinants and constraints to dengue infection, beyond socio-economic changes and the local microclimate. This study aims at describing the distribution of dengue cases, socioeconomic and environmental conditions, realized in the neighborhoods of the urban area of the city of Manaus during 2000-2010. With use of the software Quantum GIS and Terraview to produce thematic maps and identification of spatial clusters and the R Statistical Package for temporal analysis by Pearson correlation. Comparing the maps of dengue cases, Infestation Index vector (IIP), per capita income and temperature mean was not possible to verify the proportional relationship between these variables except mean temperature. The clusters and outliers identified was varied, however, the areas of high priority tended to remain in the extension of neighborhoods where increased dengue cases showed tendency. In temporal analysis, the correlations were weak, however, positive with rainfall and relative humidity, and negative cases with mean temperature. In conclusion, the spatial and temporal distribution of dengue in Manaus was heterogeneous, it was not possible to associate environmental aspects in dengue cases, this occurs in a way that has not been shown to be influenced by per capita income or index vector infestation, only mean temperature proved to be influential.
Palavras-chave: Saúde Ambiental
Saúde pública - Brasill
Dengue - Manaus
Área(s) do CNPq: CIÊNCIAS DA SAÚDE: SAÚDE COLETIVA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Federal do Amazonas
Sigla da instituição: UFAM
Departamento: Faculdade de Ciências Farmacêuticas
Programa: Programa de Pós-graduação em Saúde, Sociedade e Endemias na Amazônia
Citação: ARAÚJO Mirelia Rodrigues de. Características socioeconômicas e ambientais dos casos de dengue na zona urbana de Manaus. 2013. 116 f. Dissertação (Mestrado em Saúde, Sociedade e Endemias na Amazônia) - Universidade Federal do Amazonas, Manaus, 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.ufam.edu.br/handle/tede/3400
Data de defesa: 27-Aug-2013
Appears in Collections:Mestrado em Saúde, Sociedade e Endemias na Amazônia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação - Mirelia Rodrigues de Araújo.pdfDissertação - Mirelia Rodrigues de Araújo.pdf4,31 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.