???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/3571
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorFonseca, Vivian Pinto-
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/5463110734336099por
dc.contributor.advisor1Rocha, Augusto Cesar Barreto-
dc.date.available2014-08-05-
dc.date.issued2013-12-27-
dc.identifier.citationFonseca, Vivian Pinto. Índice de avaliação da competitividade logística para o transporte rodofluvial do pólo industrial de Manaus. 2013. 143 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Produção) - Universidade Federal do Amazonas, Manaus, 2013.por
dc.identifier.urihttp://tede.ufam.edu.br/handle/tede/3571-
dc.description.resumoA logística é componente essencial ao crescimento da economia, ao desenvolvimento de um país, como componente de movimentação da produção nacional e também para o comércio regional, nacional e internacional, a qual afeta diretamente a competitividade e precisa ter infraestrutura adequada, ser ágil, confiável, segura e oferecer um nível de serviço superior a um baixo custo. Para isso é preciso definir formas de avaliar a competitividade para saber a situação atual e onde se quer chegar, a fim de aumentar sua vantagem competitiva e garantir sua sustentabilidade no longo prazo. Neste contexto, o objetivo desta pesquisa é definir um índice de avaliação da competitividade logística para o transporte rodofluvial do Polo Industrial de Manaus, nas etapas de entrada de insumos oriundos do mercado nacional para o PIM e na saída de produtos finais do PIM para o mercado nacional. Esta pesquisa foi classifica quanto a finalidade como aplicada, quanto aos objetivos como exploratória e descritiva, quanto aos métodos e procedimentos como quantitativa e qualitativa, pesquisa de campo. Como etapas do método foram feitas: aprofundamento do conhecimento do fenômeno da pesquisa por meio da revisão da literatura, entrevista não estruturada e foi desenvolvido a metodologia. Depois foi definido o universo e amostra da pesquisa, em seguida foram definidas as dimensões, estrutura, variáveis e definição final do índice, além da sua validação. Posteriormente os dados foram analisados e por fim foram feitas as conclusões, recomendações de pesquisas futuras e limitações da pesquisa. O resultado insuficiente do Índice de Avaliação da Competitividade Logística do Transporte Rodofluvial do PIM (ICLRF) foi insuficiente em função dos resultados dos três subíndices que o compõe. As principais deficiências que afetam a competitividade logística do transporte rodofluvial do PIM são: baixo volume transportado sobretudo na hidrovia do madeira em relação ao total transportado por navegação interior, baixa oferta de infraestrutura tanto rodoviária quanto fluvial e baixa qualidade da infraestrutura sobretudo hidroviária em função da hidrovia do Madeira.por
dc.formatapplication/pdfpor
dc.thumbnail.urlhttp://200.129.163.131:8080//retrieve/9148/Vivian%20Fonseca.pdf.jpg*
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal do Amazonaspor
dc.publisher.departmentFaculdade de Tecnologiapor
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsUFAMpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-graduação em Engenharia de Produçãopor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectÍndicepor
dc.subjectCompetitividadepor
dc.subjectLogísticapor
dc.subjectIndexeng
dc.subjectCompetitivenesseng
dc.subjectLogisticseng
dc.subject.cnpqENGENHARIAS: ENGENHARIA DE PRODUÇÃOpor
dc.titleÍndice de avaliação da competitividade logística para o transporte rodofluvial do pólo industrial de Manauspor
dc.typeDissertaçãopor
Appears in Collections:Mestrado em Engenharia de Produção

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Vivian Fonseca.pdf2,92 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.