Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/3934
Tipo do documento: Dissertação
Título: A experiência religiosa na superação do uso de droga
Autor: Barbosa, Orlando Gonçalves 
Primeiro orientador: Costa, Cláudia Regina Brandão Sampaio Fernandes da
Segundo orientador: Ribeiro, Joaquim Hudson de Souza
Resumo: A experiência religiosa é apresentada por vários pesquisadores como fator de superação de processos de sofrimento, de adoecimento, de desuso de droga e outras adversidades. Esta pesquisa teve como objetivo central compreender a relação da experiência religiosa com a superação do uso de droga, segundo usuários egressos de uma instituição de atendimento (atenção) a dependentes químicos na cidade de Manaus. A partir deste, construiu-se dois artigos, sendo o primeiro voltado à compreensão de como as pessoas que fizeram uso de droga passaram a conceber a relação deles com a substância em foco e quais foram as repercussões desse uso em seus sistemas de pertença. O segundo artigo buscou compreender como a experiência religiosa é situada na trajetória de um grupo de pessoas que superaram o uso de drogas após a passagem destas por uma comunidade terapêutica e as repercussões desse desuso em seus sistemas de pertença. Os participantes da pesquisa foram internos de uma comunidade terapêutica (Fazenda da Esperança, Manaus-AM) que se encontravam em desuso há pelo menos um ano, na ocasião da pesquisa. Utilizou-se como método a abordagem exploratória qualitativa, adotando categorias da teoria sistêmica para a análise dos dados, estes coletados por meio da entrevista semiestruturada. Os resultados encontrados apontam para o fato deque o uso e o desuso das drogas, bem como o sofrimento a elas relacionado estão vinculados ao usuário, seus sistemas e subsistemas de pertença, em especial àfamília, trabalho, relação com os pares e vivência religiosa;numa relação de codependência e corresponsabilidade que retroalimenta positiva ou negativamente a relação de uso, ao longo do tempo. A experiência religiosa é apontada como processo psicossocial organizador de uma identidade a qual integra sentidos de transcendência, e passa a sustentar novos modos de vinculação entre os sujeitos e suas redes sociais, em especial a família, a comunidade e as instituições religiosas de pertença. A recursividade e a imprevisibilidade presentes nas trajetórias de uso e desuso foram identificadas também como fatores que impulsionaram o sistema à busca de homeostasee, portanto, de superação.
Abstract: Religious experience is presented by several researchers as a process of overcoming suffering, disease, disuse drug and other hardships factor. This research had as its central objective to understand the relationship of religious experience with overcoming drug withdrawal, according to users graduates from an institution of care (care) to drug addicts in the city of Manaus. From this, we constructed two articles, the first aimed at understanding how people who used drugs began to conceive of their relationship with the substance in focus and what were the effects of that use on their systems of belonging. The second article was to understand how religious experience is located in the path of a group of people who have overcome drug use after the passage of these for a therapeutic community and the repercussions of this disuse in their systems of belonging. Survey participants were inmates of a therapeutic community (Fazenda da Esperança, Manaus-AM) that were in disrepair for at least one year at the time of the survey. Method was used as a qualitative exploratory approach, adopting categories of systems theory to the analysis of the data, these collected through semi-structured interviews. The results point to the fact that the use and disuse of drugs and suffering related to them are tied to the user, systems and subsystems of belonging, especially to family, work, relationship with peers and religious experience ; Addiction and a ratio of responsibility that positively or negatively feeds back the ratio of use over time. Religious experience is identified as psychosocial process of organizing an identity which integrates sense of transcendence, and shall support new modes of relatedness between individuals and their social networks, in particular the family, community and religious institutions belonging. Recursion and the unpredictability present in the trajectories of use and disuse were also identified as factors that pushed the system to search for homeostasis and thus to overcome.
Palavras-chave: Droga
Uso e desuso
Experiência religiosa
Superação
Teoria Sistêmica
Drugs
Use and disuse
Religious experience
Área(s) do CNPq: CIÊNCIAS HUMANAS: PSICOLOGIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Amazonas
Sigla da instituição: UFAM
Departamento: Faculdade de Psicologia
Programa: Programa de Pós-graduação em Psicologia
Citação: BARBOSA, Orlando Gonçalves. A experiência religiosa na superação do uso de droga. 2014. 98 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Universidade Federal do Amazonas, Manaus, 2014.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.ufam.edu.br/handle/tede/3934
Data de defesa: 21-Mai-2014
Aparece nas coleções:Mestrado em Psicologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Orlando Gonçalves Barbosa.pdfDissertação - Orlando Gonçalves Barbosa3,4 MBAdobe PDFThumbnail

Baixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.