???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/4519
Tipo do documento: Dissertação
Título: Variação longitudinal e transversal nas propriedades da madeira do Tauari Vermelho (Cariniana micrantha Ducke – Lecythidaceae)
Autor: Cruz, Gerson Kleber de Almeida 
Primeiro orientador: Oliveira, Valmir Souza de
Primeiro coorientador: Pio, Nabor da Silveira
Resumo: O trabalho teve por objetivo estudar a variação da densidade, retratibilidade e comprimento de fibras da madeira do tauari vermelho (Cariniana micrantha Ducke – Lecythidaceae), no sentido medula-casca e ao longo da altura da árvore. As amostras foram obtidas em cinco posições eqüidistantes no sentido medula-casca, correspondendo a 0%, 25%, 50%, 75% e 100%, e na Base, DAP, 50%, 75% e 100% da altura comercial da árvore. Três árvores foram usadas e as amostras tiveram dimensões nominais de 2,0 x 3,0 x 5,0 cm. Os resultados mostraram que houve variação da densidade básica no sentido medula-casca. No sentido medula-casca houve uma tendência da densidade aumentar da posição de 50% (cerne) e em seguida diminuir para os valores mínimos na região do alburno próximo a casca (100%). Os mínimos valores de densidade foram verificados na região do alburno e máximos na região do cerne. No sentido basetopo, um comportamento de tendência de decréscimo de densidade foi observado para as amostras retiradas do alburno. Os mínimos valores foram encontrados na região do alburno (100%) o qual está praticamente livre de extrativos. Nas demais posições não houve uma tendência clara de comportamento da densidade, o que pode ser explicado em parte pela presença de extrativos. As contrações volumétricas e lineares totais tenderam a diminuir no sentido medula-casca, independentemente da posição da amostra no fuste. O fator anisotrópico foi mais baixo na região próximo a medula, aumentando em direção a região do alburno. A região próxima a medula apresentou os menores índices de fator anisotrópico e no cerne e alburno os maiores índices. Para a densidade básica e nas contrações (volumétrica, tangencial e radial) não houve diferença estatística no sentido longitudinal do tronco do tauri. Porém, ambos mostraram-se estatisticamente significantes na direção radial. O teste Tukey de comparações múltiplas de média mostrou para a densidade que somente a posição de 100% foi estatisticamente diferente das demais. Enquanto estas foram estatisticamente iguais entre si, ou seja, a densidade do cerne foi estatisticamente maior que a densidade do alburno. A mesma relação foi encontrada no sentido radial para as contrações tangencial e radial. Em que a posição de 100%, menor valor de contração, foi significantemente diferente das demais, exceção da vizinha 75%. Enquanto as contrações verificadas nas posições de 0%, 25%, 50% e 75% não diferiram estatisticamente. Resultados estes são comparáveis à contração volumétrica radial. O fator anisotrópico, assim como comprimento de fibras foram estatisticamente não significativos, tanto no sentido longitudinal como no sentido radial ao tronco do tauari.
Abstract: The work had the objective of studying the variation of density, shrinkage and fiber length from pith-bark and base to top direction of the tree. The samples were collected from five equidistant positions in the pith-bark direction, corresponding to 0%, 25%, 50%, 75% and 100%, and in the heights of base, DAP, 50%, 75% and 100% of the tree. Three trees were used and the samples had nominal dimensions of 2,0 x 3,0 x 5,0 cm. The results showed that occurred tendency of basic density variations in pith-bark and base-top directions. In the pith-bark direction the density increased until the position of 50% (heartwood) and followed by decreasing to minimum values on sapwood near bark (100%). Minimum values of density were observed on sapwood and maximum values on heartwood. In the base-top direction, a tendency of decreasing density was observed for samples from sapwood. Minimum values were found on sapwood (100%) where it was practically free of extractives. In the other positions there were not obvious tendencies of density behaviour which may be caused by extractive. Volumetrics and linear shrinkages had tendency to decrease in the pith-bark direction, independently of position of the sample in the trunk. The anisotropic factor (T/R), was lower in the area near pith, increasing substantially towards the sapwood. Area near pith showed smaller rate of anisotropic factor and heartwood and sapwood showed greater rate of anisotropic factor. There was no statistic difference for basic density and volumetric, tangencial and radial shrinkages in the longitudinal direction of the trunk of tauari . But, there was significant statistic differences in the radial direction. The test Tukey of multiple comparisons of averages showed statistic differences on basic density only among the position of 100% and the others. While these were statistically the same to each other, in other words, the density of the heartwood was statistically larger than the density of the sapwood. The same relationship was found in the radial path for tangential and radial shrinkages. Thus, the position of 100%, smaller shrinkage value, was statistically different to the others, with the neighbor's 75% exception. While the shrinkages verified in the positions of 0%, 25%, 50% and 75% did not differ. The results were comparable to the radial volumetric shrinkage. The anisotropic factor, as well as fiber lengths were statistically non significant on both directions (longitudinally and radially).
Palavras-chave: Densidade básica
Madeira - Propriedade física
Basic density
Shrinkage
Tauari vermelho - Árvore
Cariniana micrantha Ducke
Área(s) do CNPq: CIÊNCIAS AGRÁRIAS: AGRONOMIA: RECURSOS FLORESTAIS E ENGENHARIA FLORESTAL
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Amazonas
Sigla da instituição: UFAM
Departamento: Faculdade de Ciências Agrárias
Programa: Programa de Pós-graduação em Ciências Florestais e Ambientais
Citação: CRUZ, Gerson Kleber de Almeida. Variação longitudinal e transversal nas propriedades da madeira do Tauari Vermelho (Cariniana micrantha Ducke – Lecythidaceae). 2006. 73 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Florestais e Ambientais) - Universidade Federal do Amazonas, Manaus, 2006.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.ufam.edu.br/handle/tede/4519
Data de defesa: 4-Sep-2006
Appears in Collections:Mestrado em Ciências Florestais e Ambientais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação - Gerson Kleber de Almeida Cruz.pdf Dissertação - Gerson Kleber de Almeida Cruz1,4 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.