???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/5416
Tipo do documento: Dissertação
Título: Vulnerabilidade e segurança hidroclimatológica no Alto Solimões: o caso das Vilas de Belém do Solimões e Campo Alegre / Amazonas
Autor: Pinheiro, Heitor Paulo 
Primeiro orientador: Schor, Tatiana
Resumo: Os eventos extremos na Amazônia tornaram-se mais comuns nos últimos 30 anos e com isso, significativos impactos no cotidiano dos amazônidas, diretamente ligados a hidroclimatologia, puderam ser observados. Tanto na qualidade de vida, quanto nos deslocamentos e no próprio funcionamento urbano, o nível das águas dos rios e quantidade de chuvas são fatores de suma importância para região. Portanto, indagamos neste trabalho, qual a influência dos eventos hidroclimatológicos atípicos/extremos nas dinâmicas humanas da Amazônia, principalmente nas Vilas de Campo Alegre e Belém do Solimões/Alto Solimões – AM? Para responder tal indagação foi importante compreender as dinâmicas da enchente e vazante, chuvas e estiagens, além das dinâmicas sociais que são afetadas por tais eventos. Assim, dinâmicas, fixos e fluxos passam a sair de uma mera representação do real para o entendimento da realidade e de um olhar geográfico da região. Para tal, utilizamos técnicas de mapeamento, informações secundárias peruanas, dados oficiais da ANA/ORE-HYBAM (brasileiros) e de outros órgãos, registros em mídia, além da vivência intrínseca da geografia. Objetivamos assim, entender e descrever o regime hidroclimatológico da região, gerando um indicador de vulnerabilidade e segurança hidroclimatológica, subsidiando políticas públicas que funcionem, resultando num sistema de suporte à decisão em cenários de eventos extremos. Por tanto, pôde-se observar que mesmo com a farta oferta de água em toda região, existem pontos de vulnerabilidades crônicas, sendo a falta de água potável uma realidade nas vilas estudadas. Noutro ponto, mesmo com todas as tecnologias envolvidas, tornou-se difícil prever cheias e secas extremas. Por fim, prever atipicidades com exatidão e seus impactos nos locais estudados, atualmente, não é possível. Resolução para os problemas locais de qualidade de vida sim! E por isso devem ser incentivados.
Abstract: Extreme events in the Amazon have become more common in the last 30 years and with it significant impacts on the daily life of Amazonians, directly linked to hydroclimatology are observed. Both the quality of life in displacement and urban operation, the water level of rivers and rainfall are important factors for the region. So question in this work, the influence of atypical / hydroclimatological extreme events in human dynamics of the Amazon, especially in the towns of Campo Alegre and Belém do Solimões / Alto Solimões - AM? To answer this question it is important to understand the dynamics of high water and low water, rains and droughts, as well as social dynamics that are affected by these events. Dynamic, fixed and flows pass out of a mere representation of the real, to the understanding of reality and a geographic look of the area. For this, we use mapping techniques, Peruvian secondary information, official data ANA / ORE-HYBAM (Brazilian) and other agencies, media records, beyond the intrinsic experience of geography. In order, to understand and describe the hydroclimatological regime in the region, generating an indicator of vulnerability and security, supporting public policies who work, resulting in a support system decision in extreme events scenarios. Thus, it was observed that even with the abundant supply of water throughout the region, there are points of chronic vulnerability, and lack of drinking water a reality in the study villages. Elsewhere, even with all the technologies involved, it has become difficult to predict floods and extreme droughts. Finally, atypical features predict accurately and their impact on the sites studied currently is not possible. Resolution to local problems of quality of life yes! And so they should be encouraged.
Palavras-chave: Eventos Extremos
Vulnerabilidade hidroclimatológica
Segurança hidroclimatológica
Alto Solimões, Amazonas
Área(s) do CNPq: CIÊNCIAS AGRÁRIAS: RECURSOS FLORESTAIS E ENGENHARIA FLORESTAL
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Amazonas
Sigla da instituição: UFAM
Departamento: Faculdade de Ciências Agrárias
Programa: Programa de Pós-graduação em Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia
Citação: PINHEIRO, Heitor Paulo. Vulnerabilidade e segurança hidroclimatológica no Alto Solimões: o caso das Vilas de Belém do Solimões e Campo Alegre / Amazonas. 2016. 194 f. Dissertação (Mestrado em Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia) - Universidade Federal do Amazonas, Manaus, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.ufam.edu.br/handle/tede/5416
Data de defesa: 2-Jun-2016
Appears in Collections:Mestrado em Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação - Heitor P. Pinheiro.pdf38,94 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.