???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6073
Tipo do documento: Dissertação
Título: Atividade anticâncer de uma furano-naftoquinona em modelos de cultura celular de melanoma
Autor: Cavalcante, Josélia Sobral 
Primeiro orientador: Vasconcellos, Marne Carvalho de
Resumo: Câncer é uma doença caracterizada pelo crescimento descontrolado e disseminação de células anormais. Dentre as principais neoplasias,o melanoma é a principal doença relacionada à pelepor possuir alta agressividadee resistência a quimioterapia convencional em estágios mais avançados da doença, sendo responsável por 80% das mortes por cânceres de pele. Em busca de novas alternativas terapêuticas, tem se investigado a utilização de modelos de cultura celular que mimetizem o microambiente tumoral in vivo possibilitando analisar de forma mais fidedigna in vitro a atividade de drogas promissoras para o tratamento do câncer. Uma das alternativas é o modelo tridimensional de estrutura dérmica da pele, também denominado de equivalente dérmico. A 1H-ciclopenta[b]nafto[2,3-d]furano-5,10(3aH,10bH)-diona (IVS320), uma furano naftoquinona sintetizada a partir de 2-hidroxi-1,4-naftoquinona (Lausona), apresentou excelentes resultados de citotoxicidade frente às linhagens de melanoma justificando a seleção desta substância para este projeto de pesquisa e a necessidade do desenvolvimento de outras análises que comprovem realmente seu potencial. Sendo assim, o presente estudo objetivoupadronizar o modelo de cultura celular em equivalente dérmico, bem como avaliar a atividade anticâncer de IVS320 em linhagem de melanoma humano SK-Mel-28. O modelo de estudo proporcionou a comparação da atividade citotóxica, genotóxica e atividade inibitória de metaloproteinases de IVS320 em SK-Mel-28 cultivada em equivalente dérmico e cultura em monocamada,a capacidade de inibir a migração da célula e mecanismo de morte celular. IVS320 apresentou-se citotóxica para SK-Mel-28 nos dois modelos de cultura celular pelo método do MTT, no entanto sua atividade foi diminuída quando testada no modelo de equivalente dérmico. A média da CI50 de IVS320 em SK-Mel-28 cultivada em monocamada foi 0,5μM nos três tempos de tratamento. Avaliando a citotoxicidade no modelo de equivalente dérmico, IVS320 apresentou aumento no valor da CI50 de forma concentração e tempo dependente, 8,05, 5,22 e 2,7μM em 24, 48 e 72 horas de tratamento respectivamente. No teste do cometa evidenciaram-se quebras de fitas simples nas três concentrações testadas e quebras de fitas duplas somente na maior concentração em células cultivadas em monocamada. Já no modelo de equivalente dérmico foram detectados danos somente no cometa pH neutro nas duas maiores concentrações. Através do ensaio da zimografia foi possível avaliar a atividade de metaloproteinases -2 e -9. Nos resultados obtidos, observou-se o efeito inibitório da atividade enzimáticade IVS320 nas três concentrações testadas nos dois modelos de cultura celular no tempo de tratamento de 18 horas. Adicionalmente, no ensaio de motilidade celular, foi observado que IVS320 também se mostrou eficaz quanto à inibição dessa atividade nos três tempos de tratamento (6, 12 e 24 horas) quando testada na maior concentração (1,0μM). Na coloração diferencial LA/BE, foi observado um aumento no número de células apoptóticas de forma concentração dependente, entretanto, o número de células em necrose não variou. Os resultados desta pesquisa contribuem com informações acerca da IVS320 e auxiliam nos estudos sobre meios alternativos na farmacologia experimental por meio da utilização dos modelos de cultura celular em equivalente dérmico e evidencia a importância de novos modelos experimentais.
Abstract: Cancer is a disease characterized by the uncontrolled growth and spread of abnormal cells. Among the main neoplasms, melanoma is the leading disease related to the skin by having high aggressiveness and resistance to conventional chemotherapy in advanced stages of the disease, accounting for 80% of deaths from skin cancer. In search of new therapeutic alternatives, has investigated the use of cell culture models that mimetizem the Tumor Microenvironment in vivo allowing more reliable analysis of in vitro activity of promising drugs for cancer treatment. One of the alternatives is the three-dimensional model of dermal skin structure, also called dermal equivalent. The 1 h-ciclopenta [b] nafto [2.3-d] furan-5.10 (3aH, 10bH)-Dione (IVS320), a furan naphthoquinone synthesized from 2-hydroxy-1.4-naphthoquinone (Lausona), presented excellent results of cytotoxicity against the strains of melanoma justifying the selection of this substance for this research project and the need for the development of other analysis showing their potential. Thus, the present study aimed to standardize the cell culture model in dermal equivalent, as well as assess the anticancer activity of IVS320 in human melanoma line SK-Mel-28. The model of study provided a comparison of the cytotoxic activity is genotoxic activity of Metalloproteinases and of IVS320 in SK-Mel-28 cultivated dermal equivalent culture in monolayer and the ability to inhibit cell migration and cell death mechanism. IVS320 performed for SK-cytotoxic Mel-28 in both cell culture models by the method of the MTT, however its activity was decreased when tested in the dermal equivalent model. CI50 average of IVS320 in SK-Mel-28 grown in monolayer was 0.5 μM in three days of treatment. Assessing the cytotoxicity in dermal equivalent model, introduced IVS320 increase in value from the CI50 concentration and time dependent, 8.05, 5.22 and 2.7 μM in 24, 48 and 72 hours of treatment respectively. The Comet test showed themselves simple tape breaks in three concentrations tested and double tape breaks only in the highest concentration in cells grown in monolayer. In the dermal equivalent model only damage were detected in neutral pH Comet in the two largest concentrations. By zymography assay was possible to assess the activity of Metalloproteinases-2 and-9. The results obtained showed the inhibitory effect of IVS320 enzyme activity in three concentrations tested in both cell culture models in treatment time of 18 hours. Additionally, cell motility test, it was observed that IVS320 also proved effective as the inhibition of this activity in all the three days of treatment (6, 12 and 24 hours) when tested in highest concentration. On differential staining LA/BE, noted an increase in the number of apoptotic cells of concentration dependent manner, however, the number of necrotic cells not varied. The results of this survey provide information about IVS320 and help in studies on alternative means in experimental Pharmacology through use of cell culture models dermal equivalent, and highlights the importance of new experimental models.
Palavras-chave: Melanoma
Equivalente-dérmico
Furano-naftoquinona
Citotoxicidade
Genotoxicidade
Metaloproteinases
Área(s) do CNPq: CIÊNCIAS DA SAÚDE: FARMÁCIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Amazonas
Sigla da instituição: UFAM
Departamento: Faculdade de Ciências Farmacêuticas
Programa: Programa de Pós-graduação em Ciências Farmacêuticas
Citação: CAVALCANTE, Josélia Sobral. Atividade anticâncer de uma furano-naftoquinona em modelos de cultura celular de melanoma. 2016. 92 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Farmacêuticas) - Universidade Federal do Amazonas, Manaus, 2016.
CAVALCANTE, Josélia Sobral. Atividade anticâncer de uma furano-naftoquinona em modelos de cultura celular de melanoma. 2016. 92 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Farmacêuticas) - Universidade Federal do Amazonas, Manaus, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6073
Data de defesa: 9-May-2016
Appears in Collections:Mestrado em Ciências Farmacêuticas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação - Josélia Cavalcante.pdf2,02 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons