???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6159
Tipo do documento: Dissertação
Título: O ambiente e a Castanha-do-Brasil (Bertholletia excelsa Bonpl.) na Comunidade São Sebastião do Igapó Açu: um estudo na RDS Igapó Açu, Borba-Am
Autor: Costa, Mônica Suani Barbosa da 
Primeiro orientador: Fraxe, Therezinha de Jesus Pinto
Resumo: Esta pesquisa tem como objeto de estudo, a comunidade São Sebastião de Igapó Açu. Visou observar de que forma os comunitários fazem uso dos recursos da floresta. Essa comunidade está localizada dentro da Unidade de Conservação Reserva de Desenvolvimento Sustentável Igapó Açu (RDS Igapó Açu), localizada na rodovia BR 319, nos municípios de Borba, Manicoré e Beruri. A comunidade possui 22 famílias com aproximadamente 200 pessoas, adeptas a religião católica e adventista e que praticam diversas atividades como forma de resolver suas necessidades mais imediatas e para geração de renda. Os objetivos da pesquisa foram: descrever os aspectos históricos da comunidade São Sebastião do Igapó Açu, produtora de castanha-do-brasil; caracterizar as formas de produção da castanha-do-brasil, destacando os conhecimentos e práticas produtivas e identificar as dificuldades encontradas pelos sujeitos que trabalham no extrativismo da castanha-do-brasil, e a importância do sistema alimentar dos ribeirinhos. A divisão do trabalho apresentou a seguinte estrutura: no primeiro capítulo faz-se uma retrospectiva histórica da comunidade. O surgimento, seu modo de vida, suas manifestações culturais, os moradores mais antigos e os mais recentes, suas perspectivas de futuro e suas atividades de renda, principalmente, a coleta, preparo e venda da castanha. No segundo capítulo da pesquisa ocorre uma concentração de análise na produção extrativa da castanha-do-brasil e toda a dinâmica cotidiana que envolve o aproveitamento desse recurso pelos comunitários e, por último, no terceiro capítulo, trabalham-se, na perspectiva de identificar, dentro da conjuntura recente, as fortalezas, as oportunidades, fraquezas e ameaças que a atividade extrativa da castanha-do-brasil e, também, o modo de vida da comunidade, vem enfrentando. Para tanto, se utiliza da matriz F.O.F.A. (F - Fortalezas, O - Oportunidades, F - Fraquezas e A - Ameaças) como ferramenta de análise da realidade do cotidiano dos comunitários. Tal ferramenta foi colocada em prática através de oficinas realizadas durante trabalho de campo da pesquisadora de forma participativa com os extrativistas.
Abstract: This research has as object of study, the São Sebastião de Igapó Açu community. It aimed to observe how community members make use of forest resources. This community is located within the Igapó Açu Sustainable Development Reserve Conservation Unit (RDS Igapó Açu), located on highway BR 319, in the municipalities of Borba, Manicoré and Beruri. The community has 22 families with approximately 200 people, adherents to the Catholic and Adventist religion and who practice various activities as a way to solve their immediate needs and to generate income. The objectives of the research were: to describe the historical aspects of the São Sebastião community of Igapó Açu, producer of Brazil nut; To characterize the brazil nut production methods, highlighting the knowledge and productive practices and to identify the difficulties encountered by the individuals working on Brazil nut extractivism, and the importance of the food system of the riverine ones. The division of labor presented the following structure: In the first chapter a historical retrospective of the community is made. The emergence, their way of life, their cultural manifestations, the older and more recent residents, Its prospects for the future and its income activities, mainly the collection, preparation and sale of brazil nuts. In the second chapter of the research there is a concentration of analysis on the extractive production of Brazil nut and all the daily dynamics that involve the use of this resource by the community, and finally, in the third chapter, Within the recent conjuncture, the strengths, opportunities, weaknesses and threats that the extractive activity of brazil nuts and, also, the way of life of the community, has been facing. For that, the matrix F.O.F.A. (F - Strengths, O - Opportunities, F - Weaknesses and A - Threats) as a tool to analyze the daily reality of the community. This tool was put into practice through workshops carried out during the researcher's fieldwork in a participative way with the extractivists.
Palavras-chave: Unidade de Conservação
Desenvolvimento Sustentável
Extrativismo
Castanha-do-Brasil
Área(s) do CNPq: CIÊNCIAS AGRÁRIAS
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Amazonas
Sigla da instituição: UFAM
Departamento: Faculdade de Ciências Agrárias
Programa: Programa de Pós-graduação em Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia
Citação: COSTA, Mônica Suani Barbosa da. O ambiente e a Castanha-do-Brasil (Bertholletia excelsa Bonpl.) na Comunidade São Sebastião do Igapó Açu: um estudo na RDS Igapó Açu, Borba-Am. 2017. 87 f. Dissertação (Mestrado em Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia) - Universidade Federal do Amazonas, Manaus, 2017.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6159
Data de defesa: 3-Jul-2017
Appears in Collections:Mestrado em Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação_Mônica S. B. Costa.pdf1,56 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons