Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede.ufam.edu.br/handle/tede/4003
Tipo do documento: Dissertação
Título: A (re) significação do lugar: comunidades ribeirinhas na cidade Manaus – AM
Autor: Pinto, Ileia Maria de Jesus 
Primeiro orientador: Nogueira, Amélia Regina Batista
Resumo: Esta dissertação foi fundamentada numa abordagem cultural dentro da geografia e teve como base de sustentação a fenomenologia que busca por meio da experiência humana, individual, e cultural dar sentido ao espaço percebido tal como ele se apresenta, destacando a intencionalidade da percepção, buscando reconhecer possibilidade metodológica na ciência geográfica centrada na percepção do mundo vivido dos ribeirinhos que vivem na cidade, em particular os pescadores citadinos. Diante deste quadro, também foi valorizada a questão da identidade, pois a (re) significação de um lugar revela-se na existência de uma identidade. Para os povos indígenas a pesca se destacava como uma das principais práticas de subsistência associada às demais atividades extrativistas e agrícolas. Essa herança cultural ainda se faz presente nas Comunidades Ribeirinhas do interior do Estado. Dessa forma, foi buscado compreender o lugar a partir da cultura ribeirinha presente na cidade, quais resistências culturais ainda persistem para aqueles que vieram do interior do Estado do Amazonas e de outros Estados do Brasil para as Comunidades Ribeirinhas localizadas nos arredores da cidade de Manaus, e quais as influências da cultura urbana contribuíram para uma nova configuração dos modos de vida dos pescadores que aqui vivem.
Abstract: This thesis was based on a cultural approach in geography and had the support base phenomenology that seeks through the human experience, individual and cultural make sense of the perceived space as it is presented, emphasizing the intentionality of perception, trying to recognize the possibility methodology in geographical science focused on understanding the lived world of riverside living in the city, particularly fishermen cities. This picture, was also valued the question of identity, as the (re) meaning of a place is revealed in the existence of an identity. For indigenous fishing highlighted as a major subsistence practices associated with agricultural and other extractive activities. This heritage is still present in the Riverine Communities in the state. This way, we sought to understand the place from the culture in this riverside city, what cultural resistance still exist for those who came from the interior of Amazonas state and other states of Brazil to the Riverside Communities located near the city of Manaus, and with the influences of urban culture have contributed to a new configuration of live of fishermen who live here.
Palavras-chave: Geografia Cultural
Modo de vida
Cultura ribeirinha
Identidade
Lugar
Cultural Geography
Phenomenology
Riverside culture
Área(s) do CNPq: CIÊNCIAS HUMANAS: GEOGRAFIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Amazonas
Sigla da instituição: UFAM
Departamento: Instituto de Ciências Humanas e Letras
Programa: Programa de Pós-Graduação em Geografia
Citação: PINTO, Ileia Maria de Jesus. A (re) significação do lugar: comunidades ribeirinhas na cidade Manaus – AM, 2011. 115 f. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal do Amazonas, Manaus, 2011.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.ufam.edu.br/handle/tede/4003
Data de defesa: 11-Jan-2011
Aparece nas coleções:Mestrado em Geografia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Ileia Maria de Jesus Pinto.pdf Dissertação - Ileia Maria de Jesus Pinto4,95 MBAdobe PDFThumbnail

Baixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.