???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/4956
Tipo do documento: Dissertação
Título: Fluxo de matéria iônica dissolvida nos rios da Amazônia brasileira: uma análise a partir da base de dados do observatório Ore-Hybam
Autor: Teixeira, Natália de Queiroz 
Primeiro orientador: Oliveira, Tereza Cristina Souza de
Primeiro coorientador: Filizola Junior, Naziano Pantoja
Primeiro membro da banca: Oliveira, Tereza Cristina Souza de
Segundo membro da banca: Cartaxo, Elizabeth Ferreira
Terceiro membro da banca: Wiedemann, Larissa Silveira Moreira
Resumo: A Bacia Amazônica é a maior bacia hidrográfica do mundo, ocupa uma área total de 6.110.000 km². Seu principal curso de água é o rio Amazonas que apresenta contribuição de sedimentos de origem Andina, grande quantidade de afluentes, canais sob a influência dos regimes hidrológicos de enchente, cheia, vazante e seca. Tais ambientes aquáticos apresentam características diferenciadas quanto à presença de constituintes dissolvidos, sendo estes influenciados pela cota e vazão dos rios. Os constituintes dissolvidos, transportados pelos rios, provem da ação da água da chuva, pelo escoamento superficial e da interação da água subterrânea com os solos e rochas. Sua composição química resulta da dissolução e de reações químicas entre sólidos, líquidos e gases, com os quais a água entra em contato durante o ciclo hidrológico, podendo ser alterada pelo uso da terra. Com o objetivo de estudar o balanço do fluxo da matéria iônica dissolvida, especificamente os íons: Ca2+, Mg2+, Na+, K+, HCO-3, SO42-, Cl- e Si transportados pela Bacia Amazônica, o presente estudo utilizou o banco de dados da base do Programa Ore-Hybam (Controles geodinâmico, hidrológico e biogeoquímico da erosão/alteração e da transferência de matérias na Bacia Amazônica). Este programa tem a finalidade de disponibilizar a comunidade científica, dados confiáveis das variações sazonais dos fluxos hídricos, sedimentares e geoquímicos da Bacia Amazônica. Os dados utilizados para esse trabalho foram da série histórica de 1995 a 2010 em nove estações de coleta distribuídas pela Bacia Amazônica, nos rios Negro, Branco, Solimões/Amazonas, Purus, Madeira e Tapajós. A reunião desses dados originou uma nova base denominada base definitiva. Da base definitiva se calculou a quantidade de dados, concentração média, máxima e mínima, desvio padrão e coeficiente de variação interanuais e mensais das cotas, vazões e íons, com auxílio do Programa Excel. Trataram-se também esses dados por análises estatísticas com auxílio do Software Action 2.3, sendo estas, Cluster para observar o comportamento semelhante por agrupamento de dados e Pearson para mostrar as correlações entre a composição iônica. Calculou-se o fluxo dos íons nas estações, onde foram obtidas as médias interanuais e médias mensais, observando as fases do ciclo hidrológico, obtendo-se a ordem decrescente de fluxo (HCO-3> Ca2+> Si> SO42--> Na+> Cl-> Mg2+> K+). A partir do cálculo do fluxo, calculou-se o balanço do fluxo, através da equação do balanço de massa (QSa+QSb+...+QSn+Σ=QSx), interanual e mensal em MN + FVA+ M (SR+CC) = OB, observando-se que o rio Solimões é o maior contribuinte de fluxo de matéria iônica dissolvida para a estação de Óbidos e de seus tributários, o rio Madeira é o maior contribuinte
Abstract: The Amazon Basin is the largest drainage basin in the world, occupying a total area of 6.110.000 km2. Its main watercourse is the River Amazon featuring sediment contribution of Andean origin, lot of tributaries, channels under the influence of the hydrologic regimes of flood, full, ebb and dry. Such aquatic environments present unique characteristics regarding the presence of dissolved constituents, these being influenced by dimension and flow of rivers. The dissolved constituents, transported by rivers, stems from the action of rainwater by runoff, and groundwater interaction with soils and rocks. Its chemical composition is the result of dissolution and chemical reactions between solids, liquids and gases, with which the water comes into contact during the hydrological cycle, and may be altered by land use. With the goal of studying the flow balance of matter dissolved ion, specifically ions: Ca2+, Mg2+, Na+, K+, HCO3-, SO42-, Cl- and Si carried by the Amazon basin, this study used the base database of the Ore-Hybam Program (geodynamic controls, hydrological and biogeochemical of erosion/alteration and transfer of materials in the Amazon basin). This program is designed to provide the scientific community trusted data of seasonal variations of water flows and sedimentary geochemistry of the Amazon Basin. The data used for this study were of historical series from 1995 to 2010 in nine collection stations distributed by the Amazon basin, in the rivers Negro, Branco, Solimões/Amazonas, Purus, Madeira and Tapajos. The gathering of this data has given rise to a new basis called definitive basis. Definitive base if calculated the amount of data, average, peak, and minimum concentration, standard deviation and coefficient of inter-annual variation quotas, and monthly flows and ions, with the aid of the Excel Program. Also tried these data for statistical analysis with the aid of the Software Action 2.3, these being, Cluster to observe similar behavior for data collation and Pearson to show correlations between the Ionic composition. It has been estimated the flow of ions in the stations where the interannual and monthly averages, observing the phases of the hydrological cycle, with the descending stream (HCO3-> Ca2+> Si > SO42-> Na+> Cl-> Mg2+> K+). From the calculation of the stream, it has been estimated the flow balance, using equation of mass balance (+ QSa QSb + ... + QSn + Σ = QSx series), monthly and year-to-year in MN + FVA + M (SR + CC) = OB, observing that the Solimões River is the main contributor of ion dissolved matter stream to Óbidos and of its tributaries, the river Madeira is the main contributor
Palavras-chave: Bacia Amazônica
Ore-Hybam
Matéria iônica dissolvida
Área(s) do CNPq: ENGENHARIAS
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Amazonas
Sigla da instituição: UFAM
Departamento: Faculdade de Tecnologia
Programa: Programa de Pós-graduação em Engenharia de Recursos da Amazônia
Citação: TEIXEIRA, Natália de Queiroz. Fluxo de matéria iônica dissolvida nos rios da Amazônia brasileira: uma análise a partir da base de dados do observatório Ore-Hybam. 2012. 128 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Recursos da Amazônia) - Universidade Federal do Amazonas, Manaus, 2012.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.ufam.edu.br/handle/tede/4956
Data de defesa: 26-Oct-2012
Appears in Collections:Mestrado em Engenharia de Recursos da Amazônia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação - Natália de Queiroz Teixeira.pdfReprodução Total Autorizada20,65 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.