???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/3190
Tipo do documento: Dissertação
Título: Currículo e construção de identidades nas escolas rurais do município de Boa Vista do Ramos
Autor: Dinelly, Vanusa Miranda 
Primeiro orientador: Brito, Rosa Mendonça de
Resumo: A presente dissertação aborda o currículo e a construção de identidades nas escolas rurais Presidente Tancredo Neves e Santa Ana do Massauari, localizadas no município de Boa Vista do Ramos, região do baixo Amazonas. Tem como objetivo central compreender e analisar de que modo o currículo contribui no processo de construção identitária dos alunos do 1° ao 5° ano do ensino fundamental. Inicialmente buscamos identificar as práticas culturais que constituem o fenômeno identitário dos alunos e das comunidades e conhecer as práticas e os conteúdos que compõem o currículo escolar. Para isso tivemos como posição teórico-metodológica a fenomenologia/hermenêutico-dialógica. O trabalho foi desenvolvido através de uma pesquisa etnográfica que utilizou como técnicas de coleta de dados, a observação participante, a entrevista semi-estruturada e análise de documentos. Os dados coletados receberam uma abordagem qualitativa. A partir do diálogo entre os objetivos traçados, os dados levantados e as teorias fundantes, chegamos às constatações de que: Nas escolas inexiste um currículo que tenha como base a cultura dos seus sujeitos. A prática de ensino demonstra resquícios da educação tradicional onde prevalecem aulas expositivas e monótonas, com conteúdos padronizados e compartimentalizados em disciplinas retirados do corpo dos livros didáticos e são transmitidos para os alunos sem uma reflexão crítica sobre eles. Dessa forma, a cultura da comunidade não tem espaço como conteúdo de aprendizagem, ela só visita a escola quando sua presença é vista como pertinente para ilustrar exemplos ou fazer comparações. Os professores não conhecem a dimensão social e cultural do currículo, assim, o mundo fica fora da escola e a escola fora do mundo. Com isso a escola, está ajudando a formar identidades de não pertencimento, pois não favorece aos alunos reflexões sobre si mesmo nem sobre sua comunidade, o que os enfraquece e os distanciam da sua cidadania.
Abstract: This dissertation addresses the curriculum and the construction of identities in rural schools and President Tancredo Neves Massauari Santa Ana, located in the city of Boa Vista do Ramos, the lower Amazon region. Its main objective to understand and analyze how the curriculum contributes to the process of identity construction of students from 1st to 5th year of elementary school. Initially we seek to identify cultural practices that constitute the phenomenon of identity of students and communities and learn about the practices and contents that make up the school curriculum. For this position we had the theoretical and methodological phenomenology / hermeneutic-dialogical. The work was developed through an ethnographic study that used the techniques of data collection, participant observation, semi-structured interviews and document analysis. The data collected were qualitative approach. From the dialogue between the planned objectives, data gathering and foundational theories, we arrive at the findings that: In schools have a curriculum that does not exist based on the culture of their subjects. The teaching practice shows remnants of traditional education which prevail lectures and monotonous, with standardized content and compartmentalized into disciplines removed from the body of the textbooks and are transmitted to students without a critical reflection on them. Thus, culture has no place in the community as learning content, it only "visit" the school when their presence is seen as relevant examples to illustrate or make comparisons. Teachers do not know the social and cultural dimension of the curriculum, so the world is out of school and the school out of the world. With this school, is helping to shape identities of not belonging, because it encourages students thinking about yourself or about your community, which weakens them and apart of their citizenship.
Palavras-chave: Currículo
Cultura
Escolas Rurais
Caboclos
Identidades
Curriculum
Culture
Rural Scholls
Mestizos
Identities
Área(s) do CNPq: CIÊNCIAS HUMANAS: EDUCAÇÃO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Federal do Amazonas
Sigla da instituição: UFAM
Departamento: Faculdade de Educação
Programa: Programa de Pós-graduação em Educação
Citação: DINELLY, Vanusa Miranda. Currículo e construção de identidades nas escolas rurais do município de Boa Vista do Ramos. 2011. 129 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal do Amazonas, Manaus, 2011.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.ufam.edu.br/handle/tede/3190
Data de defesa: 29-Oct-2011
Appears in Collections:Mestrado em Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
vanusa miranda.pdf3,26 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.