Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6540
Tipo do documento: Dissertação
Título: Educação Física na fase creche mediando pelos jogos as práticas sociais
Autor: Miguel, Sally Ataíde 
Primeiro orientador: Barbosa, Rita Maria dos Santos Puga
Resumo: Este é um estudo interdisciplinar, o qual procura compreender a Educação Física como um dos elementos educacionais no processo das práticas sociais em crianças, de 01 a 03 anos de idade, assim que são inseridas no mundo da Educação Escolar, na fase creche. Desde o nascimento, o indivíduo passa por processos complexos que vão, a exemplo de mudanças biológicas à internalização de regras sociais que ajudam o ser humano a regular seu comportamento para o convívio em grupo. Mas para isso o ser humano quando criança precisa do adulto, que já se encontra nesse processo, para aprender a controlar suas pulsões e emoções, e nesse intercâmbio aos poucos vai ajustando seu temperamento, que é refletido em seu comportamento. Diante dessas considerações o objetivo desta pesquisa foi investigar nas aulas de Educação Física a interação das crianças de um a três anos de idade, que frequentam a Creche Municipal Professora Eliana de Freitas Moraes situada na cidade de Manaus, verificando no momento do jogo o processo das práticas sociais. O caminho metodológico percorrido se desenvolveu por meio de uma pesquisa de abordagem qualitativa, buscando interpretar as ações das crianças, uma vez que sabemos que não se podem quantificar valores e atitudes. Para isso a pesquisa de campo pôde nos proporcionar uma maior interação com o objeto a ser estudado e os participantes da pesquisa, pois tivemos a oportunidade de passar quatro meses em contato direto com cada grupo. Utilizamos a técnica de observação direta do comportamento das crianças no momento da interação nas aulas de Educação Física e um caderno de anotações para o registro das características sociais das crianças ocorridas durante essas relações, descrevendo os mecanismos utilizados pelo grupo para ajustar o comportamento infantil com a prática do respeito, cuidado, etc. Realizamos entrevistas semiestruturadas com as professoras responsáveis pelas turmas participantes e aplicamos jogos nas aulas de Educação Física. Pudemos concluir que, nas aulas de Educação Física é oportunizada às crianças jogos que estimulam o desenvolvimento das habilidades motoras, como equilíbrio, força, agilidade entre outras, ajudando-as gradativamente a controlar seus movimentos dentro do limite de locomoção no espaço social. Com a melhora do seu controle motor, a criança consegue usufruir de um deslocamento que ao mesmo tempo em que lhe proporciona liberdade, a auxilia em sua relação com o outro dentro de um compartilhamento recíproco desse espaço social, e desse modo contribui para a compreensão da significância de observação do respeito, do cuidado, do trabalho em grupo, da cooperação na organização do espaço social, que em uma relação de interdisciplinaridade com direcionamento pedagógico, ensina a criança em sua dinâmica. Com isso, a criança que se encontra em uma fase egocêntrica se socializa, aprendendo regras sociais expressadas no momento do jogo, e mesmo que de início não compreenda direito essas regras, com o tempo dentro de um processo, elas vão internalizando as informações, passando a reproduzir as atitudes que se espera de um indivíduo em ambiente social.
Abstract: This is an interdisciplinary study, which seeks to understand Physical Education as one of the educational elements in the process of social practices in children, from 01 to 03 years of age, so they are inserted in the world of School Education in the day care phase. From birth, the individual goes through complex processes that go, such as biological changes to the internalization of social rules that help the human being to regulate their behavior for group living. But for this the human being as a child needs the adult, who is already in this process, to learn to control his impulses and emotions, and in that interchange gradually adjusting his temperament, which is reflected in his behavior. In light of these considerations, the objective of this research was to investigate in the Physical Education classes the interaction of children from one to three years of age attending the Municipal Nursery Professor Eliana de Freitas Moraes located in the city of Manaus, verifying at the moment of the game the process of social practices. The methodological path covered was developed through a qualitative approach, seeking to interpret the actions of children, since we know that values and attitudes can not be quantified. For this the field research could provide us with a greater interaction with the object to be studied and the research participants, because we had the opportunity to spend four months in direct contact with each group. We used the technique of direct observation of children's behavior at the time of interaction in Physical Education classes and a notebook for recording the social characteristics of children during these relationships, describing the mechanisms used by the group to adjust child behavior with practice of respect, care, etc. We conducted semi-structured interviews with the teachers responsible for the participating classes and applied games in Physical Education classes. We could conclude that in Physical Education classes children are given games that stimulate the development of motor skills, such as balance, strength, agility, among others, gradually helping them to control their movements within the limits of locomotion in the social space. With the improvement of its motor control, the child can enjoy a displacement that at the same time gives him freedom to assist him in his relationship with the other within a reciprocal sharing of that social space, and thereby contributes to the understanding of significance of observation of respect, of care, of group work, of cooperation in the organization of social space, which in a relationship of interdisciplinarity with pedagogical guidance, teaches the child in its dynamics. With this, the child who is in an egocentric phase socializes, learning social rules expressed at the time of the game, and even if at the beginning does not understand these rules right, with time within a process, they internalize the information, passing to reproduce the attitudes expected of an individual in a social environment.
Palavras-chave: Educação Física
Comportamento infantil
Práticas sociais
Creche
Jogos didáticos
Área(s) do CNPq: CIÊNCIAS HUMANAS
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Amazonas
Sigla da instituição: UFAM
Departamento: Instituto de Filosofia, Ciências Humanas e Sociais
Programa: Programa de Pós-graduação em Sociedade e Cultura na Amazônia
Citação: MIGUEL, Sally Ataide. Educação Física na fase creche mediando pelos jogos as práticas sociais. 2018. 126 f. Dissertação (Mestrado em Sociedade e Cultura na Amazônia) - Universidade Federal do Amazonas, Manaus, 2018.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6540
Data de defesa: 7-Jun-2018
Aparece nas coleções:Mestrado em Sociedade e Cultura na Amazônia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
defesa_Sally_final_2018.pdf3,43 MBAdobe PDFThumbnail

Baixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.