???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6897
Tipo do documento: Dissertação
Título: Neurobiologia das Plantas: uma perspectiva interespecífica sobre o debate
Título(s) alternativo(s): Plant Neurobiology: a interspecific perspective on the debate
Autor: Henriques Soares, Guilherme 
Primeiro orientador: Santos, Gilton Mendes dos
Resumo: Esta dissertação é uma tentativa de se aproximar da perspectiva das plantas através da análise da produção científica identificada com uma linha de pesquisa chamada Neurobiologia das Plantas – NBP e das controvérsias instauradas por ela. No primeiro capítulo, dividido em duas partes, apresento, primeiro, um balanço do debate ocasionado pelas ideias suscitadas nas ciências das plantas com o advento da NBP, destacando as diferentes controvérsias envolvidas no debate, e das quais derivam três tensões. Na segunda parte procuro demonstrar, a partir da descrição da minha experiência no Laboratório de Estudos de Plantas Sob Estresse – LEPSE, como a primeira e a segunda tensão encontram ressonâncias na prática científica e na vida acadêmica dos pesquisadores de lá. No segundo capítulo, também dividido em duas partes, tento, primeiro, articular as tensões que descrevi, destacando os elementos do que Hustak & Myers (2012) chamam de uma “narrativa mais rica”. Busco, com isso, uma narrativa que dê conta do modo como as plantas se expressam e permita desvelar os emaranhados nos quais plantas e cientistas estão envolvidos. Minha hipótese é a de que as tensões, sozinhas ou combinadas, sugerem modos de acessar e enunciar a perspectiva das plantas. Na segunda parte, de alguma maneira ainda apoiado na ideia de narrativa, procuro demonstrar que a discussão acerca do comportamento inteligente das plantas e outros temas contingentes pode ser encarada como uma discussão sobre termos. Esses termos carregam certos compromissos epistemológicos e ontológicos, porém mais do que isso, o importante que tento revelar é que, uma vez mapeada a controvérsia, as posições dos cientistas, derivadas de seus argumentos, nem sempre são diametralmente opostas, tampouco absolutas.
Abstract: This dissertation is an attempt to approach the perspective of plants through the analysis of the scientific production identified with a line of research called Plant Neurobiology - PNB and the controversies established by it. In the first chapter, divided into two parts, I first present a balance of the debate caused by the ideas raised in the plant sciences with the advent of the PNB, highlighting the different controversies involved in the debate, from which three tensions arise. In the second part I try to demonstrate, from the description of my experience in Laboratório de Estudos de Plantas sob Estresse - LEPSE, how the first and second tension find resonances in the scientific practice and in the academic life of the researchers there. In the second chapter, I try to articulate the tensions I have described, highlighting the elements of what Hustak & Myers (2012) call a "richer narrative". I seek, therefore, a narrative that accounts for the way the plants express themselves and reveal the entanglements in which plants and scientists are involved. My hypothesis is that these tensions, alone or in combination, suggest ways of accessing and enunciate the perspective of plants. In the second part, somehow still supported by the idea of narrative, I try to demonstrate that the discussion about the intelligent behavior of plants and other contingent themes can be seen as a discussion of terms. These terms carry certain epistemological and ontological commitments, but more importantly, I try to reveal that, once the controversy has been mapped out, the positions of scientists derived from their arguments are not always diametrically opposed or absolute.
Palavras-chave: Neurobiologia das Plantas
Plant neurobiology
Neurobiologia das Plantas - Controvérsias
Neurobiologia das Plantas - Debates
Área(s) do CNPq: CIÊNCIAS HUMANAS
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Amazonas
Sigla da instituição: UFAM
Departamento: Instituto de Filosofia, Ciências Humanas e Sociais
Programa: Programa de Pós-graduação em Antropologia Social
Citação: HENRIQUES SOARES, Guilherme. Neurobiologia das Plantas: uma perspectiva interespecífica sobre o debate. 2018. 74 f.. Dissertação (Mestrado em Antropologia Social) - Universidade Federal do Amazonas, Amazonas, 2018.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6897
Data de defesa: 6-Jun-2018
Appears in Collections:Mestrado em Antropologia Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação_Guilherme Henriques SoaresPPGAS1,51 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons