???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6937
Tipo do documento: Dissertação
Título: Resíduos de espécies madeireiras de manejo florestal para produção de móveis
Título(s) alternativo(s): Waste forest management species waste for furniture production
Déchets des espèces de management forestier pour la production de meubles
Autor: Carvalho, Susane Almeida de 
Primeiro orientador: Santos, Joaquim dos
Primeiro coorientador: Nascimento, Claudete Catanhede do
Primeiro membro da banca: Pio, Nabor da Silveira
Segundo membro da banca: Cavalcante, Anízio de Araújo
Resumo: Os resíduos madeireiros são um problema para a maioria das indústrias madeireiras, pois, devido ao baixo rendimento no processamento produtivo gera, portanto, um grande volume de resíduos. Tal fato é um problema na medida em que, apenas uma parcela desse volume de resíduos gerados tem atualmente algum aproveitamento econômico, social e/ou ambiental. Esta pesquisa teve como objetivo propor o uso de resíduos madeireiros de espécies provenientes de manejo florestal na produção de móveis. Os resíduos madeireiros foram coletados no pátio de preparação das toras da indústria Mil Madeiras Preciosas localizada no município de Itacoatiara – AM. Foi realizado um diagnóstico dos resíduos e coleta aleatoriamente de 4 amostras que foram identificadas, determinadas as propriedades físicas (densidade, estabilidade dimensional e coeficiente de anisotropia), estimados o volume do material lenhoso e o volume da madeira serrada após desdobro para obtenção do rendimento, foram classificados conforme a norma e produzidos dois móveis. O diagnóstico demonstrou que os resíduos gerados no pátio foram de toras com tortuosidade, oco, nó e sapopema, resultando em um volume total de 7,8123 m³ (exceto sapopema). As irregularidades retiradas corresponderam a 48,84 % (21) de toras com presença de tortuosidade, 34,88 % (15) de sapopemas, 9,40 % (4) de tortuosidade e nó e apenas 6,98 % (3) de ocosidade independente das espécies, totalizando 43 madeiras rejeitadas. As 4 amostras identificadas cientificamente foram de 3 espécies Pithecellobium racemosum Ducke (Angelim-rajado), Dipteryx polyphylla (Huber) Ducke (Cumarurana) e Aldina heterophylla Spruce ex Benth (Macucu de paca) que são madeiras amplamente conhecidas e comercializadas. A espécie Cumarurana foi a que apresentou maior densidade (0,78 g/cm³) e a espécie Macucu de paca a menor densidade (0,66 g/cm³)) sendo classificadas como madeiras de alta e média densidade respectivamente. Essas madeiras após desdobradas foram classificadas de acordo com a norma por pranchas (54,55 %) e vigas (45,45 %) com peças de excelente qualidade para fabricação de produtos. O volume total das amostras rejeitadas foi de 0,6619 m³ e o volume da madeira serrada correspondeu a 0,4158 %, ou seja, houve um rendimento de 62,82 %. A espécie Angelim rajado foi a espécie que apresentou o maior volume em tora (0,2835 m³) e da madeira serrada (0,1715 m³), porém a espécie Cumarurana foi a que obteve um maior rendimento (65,84 %). Foram produzidos um banco da espécie Cumarurana com dimensões de 125 x 38 x 46 cm correspondendo ao comprimento, largura e altura respectivamente, valorizando as características da própria madeira como a presença do cerne e alburno e uma mesa da espécie Angelim rajado com dimensões de 100 x 80 x 78 cm. A utilização de resíduos madeireiros de espécies proveniente de Manejo Florestal na produção de móveis é uma alternativa para o aproveitamento desses rejeitos, sendo viável o seu uso, pois, foram utilizados os mesmos equipamentos já existentes em serrarias e movelarias, valorizou as madeiras da Amazônia mantendo as características das espécies, conferindo qualidade e valor agregado aos produtos, além de possibilitar o uso sustentável da floresta já que irá aproveitar madeiras certificadas provenientes de manejo florestal.
Abstract: Wood residues are a problem for most timber industries, because, due to the low yield in the productive process, it generates a large volume of waste. This fact is a problem in that only a portion of this volume of waste generated currently has some economic, social and / or environmental use. This research had the objective of proposing the use of wood residues of species from forest management in the production of furniture. It was carried out a diagnosis of the residues and randomly collected 4 samples that were identified, determined the physical properties (density, dimensional stability and coefficient of anisotropy), estimated the volume of the woody material and the volume of the sawn wood after unfolding to obtain the yield, were classified according to the norm and produced two furniture.The diagnosis showed that the residues generated in the yard were of logs with tortuosity, hollow, knot and sapopema, resulting in a total volume of 7.8123 m³ (except sapopema). The irregularities obtained corresponded to 48.84% (21) of logs with presence of tortuosity, 34.88% (15) of sapopemas, 9.40% (4) of tortuosity and node and only 6.98% (3) of independent hollow of the species, totaling 43 rejected wood. The 4 samples identified scientifically were 3 species Pithecellobium racemosum Ducke (Angelim-rajado), Dipteryx polyphylla (Huber) Ducke (Cumarurana) and Aldina heterophylla Spruce ex Benth (Macaca de paca) which are woods widely known and marketed. The species Cumarurana was the one with the highest density (0.78 g / cm³) and the Macucu species of paca with the lowest density (0.66 g / cm³) being classified as high and medium density wood respectively. These de-framed timbers were classified according to the standard by boards (54.55%) and beams (45.45%) with pieces of excellent quality for the manufacture of products. The total volume of the discarded samples was 0.6619 m 3 and the volume of the sawn wood corresponded to 0.4158%, that is, there was a yield of 62.82%. The species Angelim rajado was the species with the highest log volume (0.2835 m³) and the lumber (0.1715 m³), but the Cumarurana species had the highest yield (65.84%). A bank of Cumarurana species with dimensions of 125 x 38 x 46 cm corresponding to the length, width and height respectively were produced, valuing the characteristics of the wood itself as the presence of the heartwood and sapwood and a table of the species Angelim cracked with dimensions of 100 x 80 x 78 cm. The use of wood residues of species from Forest Management in the production of furniture is an alternative to the use of these wastes, being feasible its use, since, the same equipment already existing in sawmills and furniture was used, valorized the wood of the Amazon maintaining the characteristics of the species, conferring quality and added value to the products, in addition to enabling the sustainable use of the forest, since it will use certified timber from forest management.
Palavras-chave: Madeiras tropicais
Rejeitos
Rendimento
Qualidade
Artefatos
Tropical woods
Tailings
Yield
Quality
Artifacts
Área(s) do CNPq: CIÊNCIAS AGRÁRIAS
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Amazonas
Sigla da instituição: UFAM
Departamento: Faculdade de Ciências Agrárias
Programa: Programa de Pós-graduação em Ciências Florestais e Ambientais
Citação: CARVALHO, Susane Almeida de. Resíduos de espécies madeireiras de manejo florestal para produção de móveis. 2018. 60 f. Dissertação, (Mestrado em Ciências Florestais e Ambientais) - Faculdade de Ciências Agrárias, Universidade Federal do Amazonas, Manaus, 2018.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6937
Data de defesa: 17-Jul-2018
Appears in Collections:Mestrado em Ciências Florestais e Ambientais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação_SusaneCarvalho_PPGCIFA.pdf3,36 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.