???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/7550
Tipo do documento: Dissertação
Título: Redes de cooperação nas eleições no Amazonas: uma visão ecossistêmica comunicacional
Título(s) alternativo(s): Cooperation webs in Amazonas state elections: a comunnicative ecossystem aproach
Autor: Botelho, Fábio Reis 
Primeiro orientador: Rodrigues, Renan Albuquerque
Primeiro membro da banca: Gonçalves, Gustavo Soranz
Segundo membro da banca: Martins, Rosimeire de Carvalho
Resumo: A presente dissertação tem o intuito de apresentar pesquisa e resultados decorrentes acerca das redes de cooperação formadas para a realização das eleições, em especial as eleições gerais de 2018, realizadas no Estado do Amazonas, com foco nos ecossistemas comunicacionais e na Teoria das Representações Sociais através do pesquisa bibliográfica e pesquisa de campo, com levantamento de material bibliográfico e documental, bem como depoimentos e anotações coletados no âmbito do TRE-AM, instituição que planeja e conduz o processo eleitoral no Estado, para posterior análise a partir das teorias previamente estudadas. As análises não foram feitas a partir de cada teoria separadamente, mas buscou-se a interpenetração entre os constructos teóricos, de forma a construir uma descrição e realizar um estudo analítico do ecossistema comunicacional existente dentro dessa rede, a partir da dinâmica presente nas representações sociais percebidas a partir das falas e anotações. A dissertação começa com uma descrição do processo eleitoral, à luz das teorias das redes de cooperação e das redes sociais, necessária à compreensão do que foi posteriormente apresentado, a saber, a TRS e a Teoria dos Ecossistemas comunicacionais. Nos depoimentos, foram destacadas as representações das categoria trabalho, com suas classes recompensa, competição e cooperação, a partir do modelo proposto por Flament (1989). Em uma segunda análise, demonstrou-se que, para realizar uma interpretação, o sujeito recorre a diversas representações junto a seu capital simbólico. Essas representações, em conjunto com os meios e mensagens presentes nas interações comunicativas, constituem o ecossistema comunicacional presente na malha formada, que, através de elos constituídos por essas interações, experimenta um processo dinâmico e retroalimentativo, demonstrado nas análises das falas e anotações. Por fim, concluiu-se pela possibilidade de se demonstrar os processos existentes dentro do ecossistema comunicacional presente nas redes sociais formadas no grupo cooperativo, e sua ligação intrínseca e indissociável com a formação e funcionamento da rede.
Abstract: This dissertation aims to present research and results related to the cooperation networks developed for the election process, specially the general elections of 2018, in the State of Amazonas, focusing on communicational ecosystems and Social Representation Theory, through bibliographical research and field research, including bibliographical and documentary material, as well as interviews and notes collected within the framework of TRE-AM, the institution that plans and drives the electoral process in the State, for analysis based on previously studied theories. The analisis were not made from each theory separately, but we intended the interpenetration between the theoretical constructs, in order to make a description and an analytical study of the communicational ecosystem existing within this network, based on the dynamics present in the social representations perceived from the interviews and notes. The dissertation begins with a description of the electoral process, based on theories of cooperation networks and social networks, necessary to understand what was presented later, namely the SRT and the Theory of Communicational Ecosystems. In the statements, the representations of the work category were highlighted, with their reward, competition and cooperation classes, based on the model proposed by Flament (1989). In a second analysis, it was demonstrated that, in order to perform an interpretation, the subject uses several representations of symbolic resources. These representations, with the medias and messages in the communicative interactions, constitute the communicational ecosystem present in the formed mesh, which through the links constituted by these interactions, experiences a dynamic and feedback process, demonstrated in the analyzes of the speeches and annotations. Finally, it was possible to demonstrate the existing processes within the communicational ecosystem present in the social networks formed in the cooperative group, and their intrinsic and inseparable connection with the formation and functioning of the network.
Palavras-chave: Eleições - Amazonas (Estado)
Redes de cooperação
Redes sociais
Área(s) do CNPq: CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS: COMUNICAÇÃO
???metadata.dc.subject.user???: Ecossistemas comunicacionais
Redes de cooperação
Redes sociais
Eleições
Amazonas
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Amazonas
Sigla da instituição: UFAM
Departamento: Faculdade de Informação e Comunicação
Programa: Programa de Pós-graduação em Ciências da Comunicação
Citação: BOTELHO, Fábio Reis. Redes de cooperação nas eleições no Amazonas: uma visão ecossistêmica comunicacional. 2019. 124 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Comunicação) - Universidade Federal do Amazonas, Manaus, 2019.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/7550
Data de defesa: 25-Jan-2019
Appears in Collections:Mestrado em Ciências da Comunicação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação_FábioBotelho_PPGCOM.pdf5,24 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.