???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/7999
???metadata.dc.type???: Tese
Title: Contribuições da Teoria Histórico-Cultural e da Atividade no ensino-aprendizagem de Geografia : a compreensão do conceito de bioma Amazônia
???metadata.dc.creator???: Godinho, Jones 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Silva, Iolete Ribeiro da
???metadata.dc.description.resumo???: A presente tese traz os resultados da pesquisa de doutorado intitulada “Contribuições da Teoria Histórico-Cultural e da Atividade no ensino-aprendizagem de Geografia: a compreensão do conceito de bioma Amazônia” desenvolvida em uma escola da rede privada de ensino de Manaus/AM, com a participação de 38 estudantes do 7º Ano. Tal experiência insere-se no contexto da linha de pesquisa ‘Formação e Práxis do(a) Educador(a) Frente aos Desafios Amazônicos’, do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Amazonas (PPGE/UFAM) e teve por objetivo compreender como os pressupostos da Teoria Histórico-Cultural e da Atividade orientadores de práticas pedagógicas promotoras de autonomia, podem contribuir para a construção dos conceitos geográficos, instrumentalizando os estudantes do 7º Ano na compreensão da realidade. Para tanto, partimos de uma revisão bibliográfica sobre os temas da Teoria HistóricoCultural e Teoria da Atividade, aliados à Geografia Escolar, buscando articulá-los, a fim de, por meio da leitura e interpretação da realidade concreta, proporcionar um caminho metodológico de ensino-aprendizagem capaz de instrumentalizar professores e alunos na construção do conhecimento contextual, real e autônomo. A fim de realizar uma interlocução entre a Educação Geográfica e a Teoria Histórico-cultural e da Atividade, buscamos, com esta pesquisa, responder à seguinte problemática: de que forma os pressupostos da Teoria Histórico-Cultural e da Atividade podem contribuir para o processo de construção dos conceitos geográficos, instrumentalizando os estudantes do 7º Ano na compreensão da realidade? No nosso trabalho, elencamos os seguintes objetivos específicos: a) discutir, a partir dos pressupostos da Teoria Histórico-Cultural e da Atividade, os elementos objetivos e subjetivos motivadores da aprendizagem; b) conhecer a percepção e o nível de interação dos estudantes em relação aos conceitos e elementos que compõem o contexto amazônico; c) identificar como as atividades de estudo e pesquisa nas aulas de Geografia contribuem para a geração de necessidades e a apropriação dos conceitos referentes à realidade amazônica. Partindo disso, buscamos discutir, com base nos pressupostos da Teoria Histórico-Cultural e da Atividade, os elementos objetivos e subjetivos motivadores da aprendizagem, o que nos serviu também de autoconhecimento, visto que todos os seres humanos estão nesse processo, independentemente da idade ou do estágio cognitivo em que se encontram. Para tanto, a produção dos dados se deu por meio da ministração de aulas de Geografia sobre os temas Região Norte e Amazônia, além de atividades pedagógicas como o desenvolvimento de um projeto de pesquisa, a construção de mapas mentais, e a resposta a questionários. Os resultados evidenciam a tese de que os pressupostos da Teoria Histórico-Cultural e da Atividade, aliados às práticas pedagógicas, contribuem para a apropriação dos conceitos geográficos pelos estudantes, na compreensão da realidade concreta e na ressignificação do trabalho docente.
Abstract: This thesis presents the results of the doctoral research entitled “Contributions of Historical-Cultural Theory and Activity in the teaching-learning of Geography: understanding of the concept of the Amazon biome” developed at a private school in Manaus/AM, with the participation of 38 7th grade students. Such experience is part of the research line ‘Training and Praxis of the Educator in the Face of Amazonian Challenges’, of the Graduate Program in Education at the Federal University of Amazonas (PPGE / UFAM), and it aimed to understand how the assumptions of Historical-Cultural Theory and Activity that guide pedagogical practices that promote autonomy, can contribute to the construction of geographical concepts, instructing 7th grade students in understanding of reality. To do so, we started with a bibliographic review on the themes of Historical-Cultural Theory and Activity Theory, allied to School Geography, seeking to articulate them, in order to, through the reading and interpretation of concrete reality, provide a methodological path of teaching-learning capable of instructing teachers and students in the construction of contextual, real and autonomous knowledge. In order to carry out an interlocution between Geographic Education and Historical-cultural and Activity Theory, we seek, with this research, to answer the following problem: how the assumptions of Historical-Cultural Theory and Activity, guiding pedagogical practices that promote of autonomy, can they contribute to the construction of geographical concepts, instrumentalizing 7th grade students in understanding reality? In our work, we list the following specific objectives: a) discuss, based on the assumptions of Historical-Cultural Theory and Activity, the objective and subjective elements that motivate learning; b) know the students' perception and level of interaction in relation to the concepts and elements that make up the Amazonian context; c) to identify how the activities of study and research in Geography classes contribute to the generation of needs and the appropriation of concepts related to the Amazonian reality. Based on this, we seek to discuss, based on the assumptions of Historical-Cultural Theory and Activity, the objective and subjective elements that motivate learning, which also served as self-knowledge, since all human beings are in this process, regardless of age or of the cognitive stage in which they are. To this end, the production of data took place through the teaching of Geography classes on the themes of the North and Amazon Region, in addition to pedagogical activities such as the development of a research project, the construction of mental maps, and the questionnaires. The results show that the assumptions of Historical-Cultural Theory and Activity, combined with pedagogical practices, contribute to the appropriation of geographic concepts by students, in the understanding of concrete reality and in the resignification of teaching work.
Keywords: Geografia - Estudo e ensino
Geografia (Ensino fundamental)
Biomas - Amazônia
???metadata.dc.subject.cnpq???: CIÊNCIAS HUMANAS: EDUCAÇÃO
???metadata.dc.subject.user???: Teoria Histórico-Cultural
Teoria da Atividade
Ensino de Geografia
Bioma Amazônia
Ensino Fundamental
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Amazonas
???metadata.dc.publisher.initials???: UFAM
???metadata.dc.publisher.department???: Faculdade de Educação
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-graduação em Educação
Citation: GODINHO, Jones. Contribuições da Teoria Histórico-Cultural e da Atividade no ensino-aprendizagem de Geografia : a compreensão do conceito de bioma Amazônia. 2020. 196 f. Tese (Doutorado em Educação) - Universidade Federal do Amazonas, Manaus, 2020.
???metadata.dc.rights???: Acesso Embargado
???metadata.dc.rights.uri???: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/7999
Issue Date: 11-Aug-2020
Appears in Collections:Doutorado em Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Reprodução Não Autorizada.pdf40.27 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview    Request a copy


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons