???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6331
Tipo do documento: Dissertação
Título: Contribuição da Citopatologia Esfoliativa no diagnóstico de lesões de cavidade oral
Autor: Abrahim, Naíza Menezes Medeiros 
Primeiro orientador: Fujimoto, Luciana Botinelly Mendonça
Primeiro membro da banca: Jesus, Giorge Pessoa de
Segundo membro da banca: Dias, Eliane Pedra
Resumo: JUSTIFICATIVA: O câncer de boca é considerado em todo o mundo como um grave problema de saúde pública, sendo mais incidente em países em desenvolvimento. Sua evolução pode ser insidiosa, sendo na maioria das vezes diagnosticado apenas em estágios avançados, em que cirurgias mutiladoras são realizadas, associadas ou não a tratamento adjuvante. Como em outras neoplasias, a precocidade do diagnóstico é atividade prioritária para a realização de tratamentos menos agressivos e na melhoria da sobrevida. Uma atividade que pode contribuir para o diagnóstico precoce de lesões orais e de orofaringe, com ou sem repercussão clínica mais evidente, é a citologia esfoliativa, técnica ainda não implementada para avaliação das referidas lesões no Estado do Amazonas. OBJETIVOS: Avaliar a eficácia do uso da citopatologia esfoliativa para diagnóstico de lesões de cavidade oral antes de sua remoção cirúrgica. MÉTODOS: Foram selecionados pacientes com indicação de biópsia incisional ou excisional de lesões de cavidade oral e orofaringe, atendidos no Centro de Especialidade Odontológica Norte e na Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas, ambos em Manaus-AM. Antes da realização da biópsia, e após anuência do paciente, foi realizado preenchimento de formulário para obtenção de dados clínicos, seguido de fotodocumentação da lesão e de coleta de material citológico para confecção de esfregaços convencional e em meio líquido. Estes foram fixados e então corados pela técnica de Papanicolau. Os resultados das técnicas de citologia foram comparados entre si e com aqueles obtidos na avaliação histopatológica. RESULTADOS: A amostra foi constituída de 50 pacientes, na qual 30 eram do sexo feminino e 20 do sexo masculino. E em 70% dos casos a lesão foi interpretada à histopatologia como de natureza benigna e em 30%, como maligna. A localização preferencial das lesões benignas foi em lábio e das lesões malignas, em língua, sendo que destas, a mais prevalente foi o carcinoma escamocelular, com 15 casos. O perfil dos pacientes com diagnóstico de malignidade foi de pacientes do sexo masculino, tabagistas e etilistas. Quando os dois métodos de citologia foram comparados entre si foram obtidos os seguintes resultados: sensibilidade 100%, especificidade 97%, acurácia 97%, Kappa 0,91. Com relação à acuidade do diagnóstico citológico com o histopatológico, a sensibilidade foi de 86,6%, a especificidade de 100%, o VPP 100%, o VPN 94,5%, Kappa 0,958 e acurácia 96%. CONCLUSÕES: Os métodos de citologia tradicional e em meio líquido foi capaz de identificar e classificar as alterações celulares características de malignidade e possuem alta sensibilidade e especificidade, sem que houvesse diferenças significativas entre as duas técnicas testadas. As técnicas de citologia se mostraram reprodutíveis e se bem indicadas podem ser utilizadas rotineiramente para detecção precoce de lesões malignas.
Abstract: JUSTIFICATION: Oral cancer is considered worldwide as a major public health problem, more common in developing countries. The evolution can be insidious, and often diagnosed only in advanced stages with mutilating surgeries, associated or not with adjuvant treatment. As in other cancers, early diagnosis is a priority activity to perform less aggressive treatments and improving survival. An activity that can contribute to the early diagnosis of lesions with or without evident clinical repercussion is exfoliative cytology; technique is not yet implemented for the diagnosis of oral lesions in the Amazonas´s state. OBJECTIVES: The aim of this study is to evaluate the efficacy of the use of exfoliative cytology for the diagnosis of oral cavity and oropharyngeal lesions, prior to its surgical removal. MATERIAL AND METHODS: Patients with an incisional or excisional biopsy of oral cavity lesions attended at the Dental North Specialty Center and the Oncology Control Center Foundation of the State of Amazonas, both in Manaus-AM, were selected. Before completing the biopsy, and after patient's consent, a form was filled out to obtain clinical data, followed by photodocumentation of the lesion and collection of cytological material for the preparation of conventional smears and in a liquid medium. These were fixed and then stained by the Papanicolaou technique. The results of the cytology techniques were compared with each other and with those obtained in the histopathological evaluation. RESULTS: The study sample was composed of 50 patients, 30 females and 20 males. In 70% of the cases, the lesions were histological interpreted as benign and 30% as malignant. Squamous cell carcinoma was the most prevalent lesions, with 15 cases, the benign lesions preferential site was lip and the malignant lesions were tongue, the profile´s patients diagnosed with malignancy was of male patients, smoker and alcohol use. When comparing the two methods of cytology we obtained 100% sensitivity, specificity 97%, accuracy 97%, Kappa 0.91. Regarding the accuracy of the cytological and histopathological diagnosis, sensitivity was 86.6%, specificity 100%, PPV 100%, NPV 94.5%, Kappa 0.958 and accuracy 96%. CONCLUSIONS Traditional and liquid based cytology methods were able to identify and classify cell changes with characteristics of malignancy and have high sensitivity and specificity, without significant differences between the two techniques tested. Cytology techniques have proven reproducible and, if well indicated, can be routinely used for the early detection of malignant lesions.
Palavras-chave: Câncer de boca,
Citologia em meio líquido
Cavidade oral
Carcinoma epidermóide
Oral cancer
Liquid based cytology
Oral cavity
Squamous cell carcinoma
Área(s) do CNPq: CIÊNCIAS DA SAÚDE: MEDICINA: CIRURGIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Amazonas
Sigla da instituição: UFAM
Departamento: Faculdade de Medicina
Programa: Programa de Pós-graduação em Cirurgia
Citação: ABRAHIM, Naíza Menezes Medeiros. Contribuição da Citopatologia Esfoliativa no diagnóstico de lesões de cavidade oral. 2017. 73 f. Dissertação (Mestrado em Cirurgia) - Universidade Federal do Amazonas, Manaus, 2017.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6331
Data de defesa: 19-Sep-2017
Appears in Collections:Mestrado em Cirurgia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação_Naíza Abrahim.pdf2,32 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons