???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6891
Tipo do documento: Dissertação
Título: Caracterização de desempenho motor de pré-escolares: luxo ou necessidade para o processo de inclusão?
Autor: Souza, Maria Izania Alves de 
Primeiro orientador: Ferreira, Lúcio Fernandes
Primeiro membro da banca: Bruzi, Alessandro Teodoro
Segundo membro da banca: Streit, Inês Amanda
Resumo: A Educação Infantil é a primeira etapa da Educação Básica, e tem como finalidade o desenvolvimento integral das crianças primando pelo desenvolvimento dos aspectos: cognitivo, social, afetivo, físico e motor. O presente estudo destaca a relevância do desenvolvimento motor, das habilidades motoras e consequentemente do desempenho motor na pré-escola relacionando-os com o processo cognitivo, no contexto de inclusão. O objetivo geral é caracterizar o desempenho motor de crianças da Educação Infantil. Para essa pesquisa utilizamos o método indutivo, é do tipo descritiva e transversal. O estudo foi composto por um número total de 240 participantes, de quatro Centros Municipais de Educação Infantil (CMEI) dos quais, 120 (50%) meninas e 120 meninos (50%). Os dados foram coletados por meio do teste MABC-2 - Movement Assessment Battery for Children 2 (Bateria de Avaliação de Movimento para Crianças). O resultado geral apresenta desempenhos motores que vão da classificação “risco de Transtorno Motor Severo” até “Ótimo Desempenho”. Ele sinaliza um quantitativo de 87 (36,3%) de pré-escolares classificados com o desempenho abaixo da média para o padrão de desenvolvimento. E 55 (22,9%) que se enquadram na classificação de “bom desempenho” a “ótimo desempenho”. Esse estudo também apresenta, de acordo com a classificação, as crianças em risco de desenvolverem o Transtorno do Desenvolvimento Coordenação (TDC), para esse perfil obteve-se um percentual de 2,9% de crianças com probabilidade de risco um transtorno motor severo e 10% com probabilidade de risco de um transtorno motor moderado. Totalizando 12,9% de crianças, com risco de sofrerem exclusão ou ato exclusão. Diante do exposto entende-se que é necessário realizar avaliação motora na pré-escola para que se possa caracterizar, intervir e acompanhar o processo de desenvolvimento motor das crianças, com o auxílio de um profissional habilitado e assim, promover a inclusão.
Abstract: Early Childhood Education is the first stage of Basic Education, and its purpose is the integral development of children, focusing on the development of aspects: cognitive, social, affective, physical and motor. The present study highlights the relevance of motor development, motor skills and consequently motor performance in preschool related to the cognitive process, in the context of inclusion. The general objective is to characterize the motor performance of children in Early Childhood Education. For this research we use the inductive method, it is descriptive and transversal type. The study consisted of a total of 240 participants from four Municipal Centers for Early Childhood Education (MCEC) of which 120 (50%) girls and 120 boys (50%). Data were collected using the test MABC-2 - Movement Assessment Battery for Children 2. The overall result shows motor performance ranging from the "Severe Motor Disorder Risk" rating to "Optimum Performance." It signals a quantitative of 87 (36.3%) preschoolers rated below-average performance for the developmental pattern. E 55 (22.9%) that fall in the category of "good performance" to "optimum performance". According to the classification, this study also presents children at risk of developing Developmental Coordination Disorder (DCD), for this profile a 2.9% percentage of children with a risk of severe motor disorder 10% with risk of a moderate motor disorder. Totaling 12.9% of children, at risk of being excluded or excluded. In view of the above, it is understood that it is necessary to carry out a motor assessment in the preschool to be able to characterize, intervene and follow the process of children's motor development, with the help of a qualified professional and thus promote inclusion.
Palavras-chave: Educação infantil
Desenvolvimento motor
Habilidade motora fundamental
Desempenho motor
Inclusão
Early childhood education
Motor development.
Basic motor skill
Motor performance
Inclusion
Área(s) do CNPq: CIÊNCIAS HUMANAS: EDUCAÇÃO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Amazonas
Sigla da instituição: UFAM
Departamento: Faculdade de Educação
Programa: Programa de Pós-graduação em Educação
Citação: SOUZA, Maria Izania Alves de. Caracterização de desempenho motor de pré-escolares: luxo ou necessidade para o processo de inclusão?. 2018. 131 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Faculdade de Educação, Universidade Federal do Amazonas, Manaus, 2018.
Tipo de acesso: Acesso Embargado
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/6891
Data de defesa: 30-Nov-2018
Appears in Collections:Mestrado em Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Reprodução Não Autorizada.pdf46,6 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview    Request a copy


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons